A redação

Não dá pra elogiar. Após fazer seu papel e colocar o gordo competente Evandro Rogério Roman para apitar a primeira partida da final do paranaense, a FPF volta atrás e decide favorecer o choro atleticano colocando para apitar o jogo decisivo um árbitro declaradamente atleticano, Adriano Milekdasijdiwjeasdkllqoijeavicz.

Árbitro da final é atleticano roxo

Este ano o árbitro já fez das suas pra prejudicar o Coritiba. Num jogo contra o Cianorte, Milaskdaslkdaksjdlkasjçoiwejoivicz expulsou apenas dois jogadores do adversário, que estava batendo a torto e a direito e merecia ter não só o time inteiro expulso como também os reservas, a comissão técnica e a torcida. O Coritiba, que tem alma guerreira, passou por cima desta adversidade e venceu o jogo mesmo assim.

Notícias Relacionadas:

– Milxnknkajsndkasndvicz tem poodle de estimação

– Héber Roberto Lopes entra em depressão por não apitar o clássico

– FPF tenta compensar cagada escalando Braatz como auxiliar. Bandeira promete: “se depender de mim, o verdão vai ter mais um gol impedido a seu favor”

Apesar de o controverso árbitro ser escolhido, a torcida do Coritiba já afirma que não vai chorar e que vão ganhar na bola. Imagens estão sendo compartilhadas no Facebook com a foto do árbitro assistindo a um jogo na Baixada, mas ninguém vai chorar. Ninguém mesmo. Aliás, nós aqui do site também não estamos chorando não. É só constatação. Mas que esse juiz vai apitar a favor dos poodles, isso vai. Tá na cara dele. NA CARA.

Anúncios